Escolha uma Página
Exército confirma que militar morto no Alemão foi atingido na cabeça
Militares mantêm a versão de que tiro de pistola calibre 9mm foi acidental. Inquérito já foi instaurado
O Exército Brasileiro informou, nesta terça-feira, que o tiro acidental que matou Irving Vianna Martins atingiu o soldado paraquedista na cabeça. O incidente aconteceu na tarde de ontem, quando Irving realizava patrulhamento no teleférico do Complexo do Alemão.
Militar foi levado para o Hospital Central do Exército, em Benfica | Foto: Fabio Gonçalves / Agência O Dia
Irving foi atingido por um tiro de pistola calibre 9mm. Ele foi atendido ainda no posto de observação do Alemão e, mais tarde, transferido para o Hospital Central do Exército, em Benfica, na Zona Norte. Por volta de 23 horas de segunda-feira, o soldado não resistiu e morreu.
O comando do Exército informou que um Inquérito Policial Militar (IPM) já foi instaurado para apurar as circunstâncias do acidente. Irving estava no EB há 3 anos. Familiares estiveram no HCE durante a manhã e o sepultamento será realizado às 17h desta terça-feira no Cemitério do Caju, na Zona Portuária.
Tio do militar morto no Alemão acompanha as investigações do caso | Foto: Fabio Gonçalves / Agência O Dia
“Um inquérito já foi aberto e algumas testemunhas já foram ouvidas. Estamos trabalhando e o Exército tem total possibilidade de apontar o responsável por esse incidente”, disse o major Fabiano de Carvalho, responsável pelo setor de Comunicação Social do Exército.
Leia também:
Skip to content